10-mandamentos-para-ser-um-formador-de-sucesso-blog

“Oh Captain, my Captain!” é uma das mais famosas celebrações do conhecimento em sala de aula.

Proferida pela primeira vez pelo professor John Keating, no filme ‘Clube dos Poetas Mortos’, poderá ser um dos mais extraordinários objetivos de um professor, mas também de um formador de sucesso: motivar a sala de aula para a aprendizagem de novos conhecimentos. Os 10 mandamentos para ser um formador de sucesso reúnem trabalho, planeamento, competência, arte e intuição.

 

Mandamento 1: Planeamento

Mandamento 1-formador-de-sucesso-planeamento-zonaverde

O planeamento é a fase obrigatória para o sucesso. Em formação, não só é crucial como pode ditar a diferença entre uma formação com feedback positivo ou negativo.

Não crie o manual da formação na véspera de iniciar o curso. Evite partilhar dados antigos quando existem informações mais recentes. Preveja eventuais questões e prepare-se. Pense sempre nos imprevistos e encontre alternativas. Identifique o tipo de aprendizagem que quer criar as melhores dinâmicas (individuais e de grupo) para o conseguir. Prepare-se.

Não caia no exagero de planear tudo de forma a que perca as capacidades de adaptação, flexibilidade e improviso. No entanto, a prevenção é amiga da resolução de problemas e imprevistos. Claro que a formação é tudo o que acontece para além dos planos que faz e prepara para o curso. Ainda assim, planeie sempre a formação.

Quando a formação termina, o sentimento pode ser idêntico ao do Natal: ‘andei tantos meses a preparar tudo e em meia dúzia de horas passou.’ Existe sempre alguma nostalgia, mas, geralmente, provocada pelos bons momentos associados. Se terminar a formação com este sentimento, pode autoelogiar-se.

 

Mandamento 2: Estudar (e nada de noites sem dormir)

Mandamento 2-formador-de-sucesso-estudar-zonaverde

O domínio do tema da formação é crítico para conseguir atingir vários objetivos, com destaque para a importância de criar nos formados a perceção de que tem de facto algo a ensinar. Sabe do que fala e estar atento é importante para aprender.

A formação pretende reforçar a qualificação das pessoas. Este é o desafio que legitima a existência da formação e o que deve motivar a aposta individual na formação e/ ou a formação para empresas.

O capital humano é cada vez mais um elemento estratégico de vantagem competitiva das empresas. Terminar uma formação com a ideia de que não se aprender nada é sinónimo de perda de tempo e, automaticamente, registo para não voltar a repetir.

Estude para conseguir transmitir novos conhecimentos, mas também competências com valor prático e que resolvem questões reais e concretas. A generalização vaga traduz-se no típico pensamento: ‘Isso na teoria é muito bonito, mas na prática não é nada disso’.

 

Mandamento 3: Organização

Mandamento 3-formador-de-sucesso-organizacao-zonaverde

Entre realizar sumários, concluir o conteúdo programático, verificar faltas e preparar aulas, a organização é o farol em noite de tempestade.

A organização é uma das soft skills de maior valor do atual mercado de trabalho. Uma formação organizada permite formas de pensar mais clara. Logo, maior produtividade do formador e dos formandos.

Caso não se organize, está a correr o risco de ser a sua turma a decidir o foco da aula. O efeito é a ligeira impressão de que não fez o que devia ter feito ou como devia ter feito.

Identifique o que tem de fazer obrigatoriamente.

Saiba quais são as prioridades.

Defina objetivos e reveja-os à medida que progride no tempo.

 

Mandamento 4: Comunicação bilateral e multilateral (deixe-os falar)

Mandamento 4-formador-de-sucesso-comunicacao-zonaverde

Se é importante que o formador marque uma posição em termos de hierarquia de conhecimento, é igualmente importante que crie fluxos de comunicação capazes de envolver os formandos no processo de aprendizagem.

Falar, falar, falar não é o melhor caminho.

Promova a participação individual dos formandos.

Invista em trabalhos de grupo.

Garanta que as pessoas se sentem à vontade e confortáveis para falar (com relevância).

A comunicação é o cimento de qualquer relação interpessoal. Pense se está a comunicar de forma clara, concisa e concreta. Deixe de lado tecnicismos que ninguém vai compreender (a não ser que seja importante referi-los, explica-los e ensiná-los).

O monopólio da palavra desmotiva os formandos e é o catalisador perfeito para situações comuns como a ideia que os formandos podem construir de que o formador a exibir-se, tem a mania que sabe mais do que os outros, entre outros. Portanto, dar e receber (ou pedir) feedback ao longo da formação é obrigatório.

 

Mandamento 5: Conhecer os formandos

Mandamento 5-formador-de-sucesso-conhecimento-zonaverde

As pessoas que estão à sua frente terão objetivos, expectativas, motivos, experiências e conhecimentos distintos entre si. Conhecer os formandos exige investir em saber mais sobre cada um deles e ultrapassa largamente a simples apresentação com o belo nome, idade e profissão, e que, ao fim do segundo formando, já ninguém se recorda quem é quem.

Invista em apresentações mais interativas e divertidas.

Pense nas perguntas que precisa de fazer.

Surpreenda os formandos com uma forma diferente de iniciar o curso.

Adapte o conteúdo e a formação ao que ouviu (o planeamento permite-lhe fazê-lo facilmente).

Não peça o contributo dos formandos para depois não o aproveitar.

Avalie o progresso de aprendizagem do grupo e individualmente.

 

Mandamento 6: Experiência prática do assunto

Mandamento 6-formador-de-sucesso-experiencia-pratica-zonaverde

Alguém que é exclusivamente formador pode criar nos formandos a perceção de que não sabe como funciona o mercado de trabalho e provocar resistência à aprendizagem.

Um dos 10 mandamentos para ser um formador de sucesso é de facto ter experiência prática do assunto. Estando dedicado a tempo inteiro à formação, procure sempre prestar atenção redobrada às tendências, as notícias sobre o setor em que atua e manter-se informado.

Reserve tempo para estar informado. Como se fosse parte do trabalho. Formar é fazer acontecer. Para isso, precisa de saber como fazer, mas também de ter experiência a fazer.

 

Mandamento 7: Dizer não sei, mas vou saber

Mandamento 7-formador-de-sucesso-dizer-nao-sei-zonaverde

Ninguém sabe tudo. O formador deve dominar o assunto que está a explorar, mas não precisa de saber tudo. Quando for confrontado com alguma questão ou observação a que não sabe responder, diga: “Não sei, mas vou saber e entretanto partilho convosco.”. É a melhor estratégia para criar empatia com os formandos numa situação destas e revelar humildade.

Fingir que sabe é perigoso. A mentira tem perna curta. Não se sinta um alien por dizer que não sabe. É inteligente, e prudente, fazê-lo.

 

Mandamento 8: Fazer boa gestão de tempo e espaço.

Mandamento 7-formador-de-sucesso-dizer-nao-sei-zonaverde

A gestão de tempo é um dos temas mais populares entre formações de desenvolvimento pessoal da atualidade. Sofrer por o dia não ter mais do que 24 horas é desperdício de energia e utilizou errada de recursos. Começar a formação depois da hora, encurtar intervalos e terminar depois da hora definida são padrões a evitar. Fuja deles.

Organize e planeie de forma a que o tempo seja o que necessita para cumprir os seus objetivos. Dê sempre folga para imprevistos, interrupções ou delongas. Também o espaço é vital.

Adapte-se ao espaço, interior ou exterior. Procure não se posicionar de costas para os formandos. Percorra o espaço com os olhos. Estude-o e aproveite as potencialidades. Se necessário, reorganize mesas, tire cadeiras, retire o móvel que estorva. Mas não olhe para o espaço como sendo estanque e imutável.

 

Mandamento 9: Recorrer ao sentido de humor.

Mandamento 9-formador-de-sucesso-sentido-de-humor-zonaverde

O humor é frequentemente associado a alguém carismático. Cativa, chama a atenção e revigora. É particularmente importante em formações pós-laborais e perante formandos que vão para a formação após oito horas de trabalho.

Ser otimista, ter respeito, recordar os nomes dos formandos, sorrir, humanizar e integrar intervenções dos formandos ao longo da formação são detalhes positivos em formadores de sucesso.

Quando na quarta sessão utiliza um comentário que um formando realizou na primeira sessão, está a revelar atenção e envolvimento. O humor pode ser a arma que reúne todos estes elementos, numa espécie de íman de relações positivas e produtivas.

 

Mandamento 10: Saber

Mandamento 10-formador-de-sucesso-saber-zonaverde

  1. Saber ouvir (escuta ativa).
  2. Saber perguntar.
  3. Saber dialogar.
  4. Saber falar.
  5. Saber usufruir

Saber é ter consciência de algo e utilizá-la para, neste caso, contribuir para o aumento da qualificação de pessoas. A escuta é um desafio e que exige trabalho permanente. As perguntas são dos instrumentos mais importantes de negociação, investigação e vendas, por exemplo. O diálogo é o que permite estabelecer e consumar relações. Falar é essencial, seja verbalmente ou não. Usufruir é obrigatório. Enquanto formador de sucesso, saberá fazer tudo isto.

Possuir o certificado de competências pedagógicas emitido pelo IEFP não é um mandamento para se tornar num(a) formador(a) de sucesso, mas o mínimo para estar habilitado(a) a dar formação. Depois de conseguir o CCP, ainda falta tudo!

 

O segredo é…

Formar com paixão e valorizar momentos!

 

Curso Formação de Formadores (CCP)

 

Escrito por:

Ricardo Grilo é gestor de marketing e vendas da digitalgreen, agência de marketing e gestão da formação do grupo ZONAVERDE. Formador em criatividade, comunicação e marketing. Diretor-adjunto e jornalista no projeto digital Ondas da Serra.